A 29ª edição da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, que decorreu na FIL, em Lisboa, foi um verdadeiro sucesso e atingiu recordes ao nível da participação de expositores, profissionais do sector e oferta turística junto do público final.
No total, a feira registou um número de 78.001 visitantes, o que corresponde a um aumento de 3% face a 2016. Particularmente durante os três primeiros dias, 37.888 profissionais estabeleceram novos negócios e parcerias, o que representa um aumento de 5% relativamente ao ano passado. Já no fim-de-semana dedicado ao grande público, 40.113 visitantes aproveitaram as promoções e descontos exclusivos na BTL, o que corresponde a um aumento de 2% face a 2016.
Fátima Vila Maior, directora de área de feiras da FIL e responsável pela BTL, refere: “Estamos muito satisfeitos com esta edição e os resultados alcançados superaram todas as nossas expectativas. A BTL 2017 foi um verdadeiro barómetro que relectiu o crescimento do sector turístico do País. O feedback que recebemos por parte dos profissionais e pelo grande público foi muito positivo, realçando ainda mais o impacto da feira para o crescimento do Turismo nacional”.
“O foco este ano foi, sem dúvida, o mercado interno, que ficou espelhado nos cerca de 30 municípios portugueses que se fizeram representar individualmente, apresentando o melhor do seu património cultural e gastronómico. Para além da presença de todas as regiões de turismo nacionais, estiveram em destaque as regiões da Madeira e Viseu, como Destino Nacional Convidado e Cidade Nacional Convidada, respectivamente, que conseguiram cativar o público com um vasto programa de actividades”, conclui Fátima Vila Maior.
A 29ª edição da BTL contou com as visitas oficiais do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa; do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral; do ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes; da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, entre outras presenças institucionais do panorama político-económico, reforçando o peso deste evento para a economia nacional.
Os profissionais responderam de forma muito positiva à BTL Village, o novo espaço para network, que será um dos focos da próxima edição. Nestes almoços de negócios estiveram presentes cerca de 20 empresas que durante os três primeiros dias estabeleceram contacto com mais de 450 profissionais, clientes, fornecedores e parceiros. Também foi notória a participação da Bolsa de Empregabilidade, organizada pelo Fórum Turismo 2.1, que apresentou mais de 4000 ofertas de emprego.
O programa de Hosted Buyers contou com mais de 400 participações de compradores internacionais provenientes 30 mercados que realizaram mais de 5.000 reuniões, entre as pré-agendadas e as marcadas na plataforma, com empresas presentes na BTL. De realçar, para o sucesso deste programa a parceria com a TAP, Turismo de Portugal, APAVT, hotéis parceiros e Grupo Barraqueiro

De acordo com Fátima Vila Maior, “a edição deste ano distinguiu-se pelo entusiasmo e dinamismo das empresas participantes. Um exemplo disso foi o Kids Route, actividade desenvolvida pela primeira vez, com um programa que convidou as crianças, futuros players e turistas, dos 6 aos 12 anos a descobrir Portugal pelos caminhos da BTL, no qual as entidades apostaram nos elementos visuais e sensoriais, como a realidade aumentada apresentada pelos Açores, Madeira ou Mafra, entre outras propostas lúdico-pedagógicas”.

Organizada pela FIL, Fundação AIP, a BTL 2017 contou com a participação de 42 destinos internacionais, entre os quais Argentina, Zimbabué, Colômbia, África do Sul, Perú, Pontevedra e Taipé que participaram pela primeira vez ou voltaram a marcar presença na feira.